Período Natalino de 2015 registrou redução de 8,5% em relação ao fluxo de pessoas no varejo físico

Dezembro registrou redução de 8,5% se comparado a 2014, em relação ao fluxo de pessoas no varejo físico. A terceira semana de dezembro registrou queda de 10% em relação ao mesmo período de 2014. Os números são da Virtual Gate, empresa especializada no monitoramento de tráfego de pessoas em lojas de varejo.

Os dados mostram também que as regiões Centro Oeste e Nordeste registraram as maiores quedas de fluxos no comparativo do Natal de 2015 com o mesmo período em 2014. Os finais de semana (sexta-feira a domingo) foram os que registraram maiores diferenças entre o fluxo de 2015 em comparação com o ano anterior, além disso, nos fins de semana de dezembro de 2015 ocorreram as maiores reduções de fluxo se comparado a 2014.

De acordo com Caio Camargo, diretor de Relações Institucionais da Virtual Gate, apesar do otimismo dos consumidores, muitos ainda estão cautelosos por se tratar de um ano em que o país enfrenta uma recessão. “O atual cenário de alta do dólar e dos juros fez com que os consumidores passassem a pesquisar ainda mais os preços e, apesar de mais precavidos, a maioria apostou nas promoções e na antecipação das compras de Natal”, afirma o executivo.

A base analisada conta com mais de 1200 pontos de medições (lojas), adota da Classificação Nacional de Atividades Econômicas – CNAE, na sua versão mais atual 2.0, ponto de referencia Base 100 = Janeiro de cada ano para comparativos anuais, e Base = 100 primeiro mês analisado no comparativo mês a mês.

.